• 0santos_populares
  • 2viviane
  • 3btt_ban
  • 4suta
  • 5_8
  • 6charolas
  • 7jpsimoes_ban
  • 8kenpo_ban
  • 9idosos
  • 10_9
  • 11passeio
  • 12bfachada_ban
  • 13exp_carolino_ban
  • 14golpes_ban
  • 15canhoes_guerra_ban
  • 16frankiechavez_ban
  • 17Kalu_ban
  • http://wowslider.net/
  • 19mural_ban
bootstrap slider by WOWSlider.com v8.6
> Núcleos CPSE: | btt | kenpo | futsal | tiro
>> patrocinadores | contactos | ligações
   
Programação CPSE

A Casa do Povo de Santo Estêvão juntou-se ao projecto Outonalidades de 2008 a 2010 e em 2015, proporcionando a oportunidade de trazer para Tavira e para o Algarve um conjunto de propostas musicais diversificadas: do Jazz, à música de fusão, de projectos com uma sonoridade vanguardista, áqueles que não dispensam olhar para o passado acrescentando novas layers sonoras.

OUTONALIDADES ANTERIORES
.:.: 2008
.:.: 2009
.:.: 2010
.:.: 2015
.:.: 2016

 

 

SERÕES DA PRIMAVERA

 

LUIS SEVERO

31 de março @ 22h00

Foram vários os anos a que se dedicou ao projecto Cão da Morte. Depois de várias edições, em jeito de purga, decidiu assumir-se em nome próprio como Luís Severo. ‘Cara D’Anjo’ trouxe-o com uma voz mais distinta.

TDepois do sucesso de singles como “Canto Diferente” ou “Ainda É Cedo”, a banda formou-se e no início de 2017, editou o seu segundo disco de originais ‘Luís Severo’. Expôs-se ao piano, a novos arranjos e a outros alcances vocais, com a produção de Diogo Rodrigues e Manuel Palha. O disco contou ainda com a participação de Tomás Wallenstein, Salvador Seabra, Francisco Ferreira, Violeta Azevedo, Teresa Castro, Manuel Lourenço, Bia Diniz; tudo músicos prolíferos de nova geração.

No final do ano lançou ainda 'Pianinho', disco de 8 canções em que mostrou o formato de canções ao piano e voz.

Os leitores da Blitz e os ouvintes da Vodafone FM consideraram-no o melhor disco do ano. Meios de comunicação como a Antena 3, Radar, Time Out, Ípsilon, entre outros tantos, listaram-no como dos mais importantes para a música portuguesa em 2017.

» facebook
 
 
SURMA

7 de abril @ 22h00

One Woman Band cujo disco de estreia, "Antwerpen", lançado a 13 de Outubro de 2017, já recebeu páginas de destaque em meios como o Público, Expresso ou Blitz e apresentações em Portugal, Espanha e França. Acabou de ser já confirmada para o South By Southwest 2018.

Débora Umbelino é original de Leiria mas o que nos traz vem de locais bem mais exóticos. SURMA, é o seu projecto one-woman-band, onde domina teclas, samplers, cordas, vozes e loop stations em sonoridades que fogem do jazz para o post-rock, da electrónica para o noise e nos levam para paragens mais ou menos incertas, com paisagens desconhecidas e muito prazer na viagem.

O primeiro single/video de apresentação "Maasai" é produzido por Emanuel Botelho (Ex-Sensible Soccers) e misturado e masterizado por Paulo Mouta Pereira. O Video, de Eduardo Brito, foi filmado na cidade fantasma de Doel.

Ao longo dos último ano Surma foi actuando de norte a sul do país, passando por festivais como o Super Bock Super Rock, Milhões de Festa ou Lisb On e levou o seu concerto a países como Espanha, França, Suécia, Reino Unido e Alemanha.

Acabou de lançar o aguardado disco de estreia "Antwerpen", que não tem nenhum dos temas que habitualmente tocava ao vivo. "Hemma" foi o primeiro single do disco que tem sido aclamado pela crítica e que foi produzido pela Casota Collective (que integra elementos dos First Breath After Coma) e masterizado por Paulo Mouta Pereira.

 
MANUEL OLIVEIRA TRIO com SUSANA TRAVASSOS e JOÃO FARIA

21 de abril @ 22h00

Com um vasto percurso internacional, Manuel de Oliveira é um dos mais promissores guitarristas contemporâneos.

Conta já com uma edição internacional em 2007 - Amarte - pela editora Harmonia Mundi e a presença em alguns dos mais importantes festivais europeus, como Emociona Jazz!! em Madrid(Espanha), ou Couleurs Jazz em Tourcoing(França), ao lado de nomes como Brad Mehldau, Chic Corea, Mike Stern, Richard Galliano, entre outros. Manuel de Oliveira inaugurou a Guimarães 2012 Capital Europeia da Cultura, editou “Ibéria Live”, com Jorge Pardo e Carles Benavent. Com a nova voz do fado Cristiana Águas apresenta o espetáculo Fado Iberia.

Na CPSE estará em palco com a jovem fadista Susana Travassos, que a convite de Aline Frazão participa no Festival da Canção 2018, e do virtuoso acordeonista algarvio João Frade, que alem do seu projecto a solo integra outros com Maria João e Mário Laginha e/ou Pedro Joia.

 
JOSÉ FRANCISCO convida VITORINO SALOMÉ

5 de maio @ 22h00

Neste espetáculo, único, o músico de Santa Luzia convida o conhecido cantor alentejano Vitorino Salomé, que dispensa apresentações, e revisitam reportório que os tem acompanhado no seu percurso artístico.

Zé Francisco, até agora mais conhecido como cantor do grupo de Tavira, Marenostrum. Zé Francisco edita o seu próprio disco, através do qual se assume como um cantautor e prossegue o seu papel de contador de histórias ligadas ao mar, à sua faina, à nostalgia e ao amor que ele inspira.

 
MINTA & THE BROOK TROUT

19 de maio @ 22h00

Francisca Cortesão veste a pele de Minta há dez anos. "Slow", lançado no início de 2016, é o terceiro disco da banda e sucede à estreia homónima de 2009 e a "Olympia" (2012) que foi relançado mais tarde em formato cassete pela Hope For The Tape Deck, de Filadélfia, nos EUA.

Minta & The Brook Trout é actualmente um quinteto: Francisca Cortesão (voz e guitarra), Mariana Ricardo (voz, baixo, ukulele e percussão), Bruno Pernadas (guitarra), Margarida Campelo (voz, teclado e percussão) e Tomás Sousa (bateria e voz).

“Slow” é composto por onze canções que não fogem ao caminho trilhado pela banda até aqui. Momentos intimistas de desconstrução de uma assumida herança country, carregados de modernidade e de personalidade, destinados a amplificar o seu sentido à medida que envelhecem.

Em Outubro de 2016, o disco foi lançado nos EUA pela Gaylord's Party Music, de Oakland, em formato cassete, edição que deu origem a uma pequena tournée Californiana pelo duo fundador.

Um ano após a saída em Portugal, “Slow” foi reeditado em formato vinil com mais três temas inéditos.

» facebook
 
DESIDÉRIO LÁZARO

2 de junho @ 22h00

“Moving” é o título do 5º álbum do saxofonista tavirense Desidério Lázar.

Desidério Lázaro, reconhecido saxofonista de Tavira tido como um dos melhores músicos de jazz português, regressa às gravações em nome próprio e apresenta-se pela primeira vez na CPSE. Neste disco apresenta-se em quarteto, fazendo-se acompanhar de João Firmino nas guitarras, Francisco Brito nos baixos, e Joel Silva na bateria.

“Moving” é um disco de viagens, temporais e físicas, uma soma eclética de géneros e estados emocionais, algo a que o saxofonista algarvio já nos habitou. Assim, desde o enérgico tema homónimo “Moving” ao sereno “Introspective”, passando pelas homenagens a pai (“Hidden Pain”) e filho (“Lullaby”), é impossível não se relacionar com esta música que, embora polvilhada de jazz e rock em doses repartidas, se quer cada vez mais cinematográfica e envolvente.

O 5º álbum de música original do saxofonista Desidério Lázaro, “Moving”, chega-nos este ano, sob o selo da editora independente Sintoma Records.

Formação : Desidério Lázaro - saxofone tenor João Firmino - guitarra elétrica e acústica Francisco Brito - contrabaixo e baixo elétrico Joel Silva - bateria

» facebook
 
Informações e Bilheteira
Tel: 281 963 184
cpsantoestevao@gmail.com
 
» Programa completo
 
 
» Anteriormente «
 
III MEIA MARATONA DE TAVIRA CPSE - LIBERTY SEGUROS
 
Serões de Outono
 
OUTONALIDADES@CPSE
 
II Meia Maratona de Tavira
CPSE - Liberty Seguros

 

Mur Mur

 
Workshop de Fotografia Digital: Intermédio

 

Sextas da Primavera
 

 

Curso de Formação de Animadores de Campos de Férias
 
Workshop de Fotografia Digital: Iniciação

 

DARKO
 
 
Corridas à 6ª feira
 
Mê Menine e a Tu Mãe!?
 
La Plante Mutante
 
JANEIRO QUENTE @CPSE TAVIRA 2016
Encontro Charolas
 
Manuel João Viera

 
Virgem Suta
 
Dani Black
 
 

 

   
   

 

 
  Mais informação em:
 

   
 
LIVROS

Brincando com Provérbios

Preço 4,00€
 
Monografia de Santo Estêvão de Tavira
Preço 10,00€
 
Retalhos de memórias da Freguesia de Santo Estêvão Tavira
Preço 10,00€
HORÁRIO
Segunda a Sexta
@ 09.00h » 13.00h
@ 14.30h » 17.30h
- atendimento geral
- espaço TIC
- biblioteca
 
Abre também noutros horários, de acordo com a programação, nomeadamente para festas, oficinas, concertos, etc. A CPSE reserva-se o direito de alterar estes horários e funcionalidades, sem aviso prévio, de acordo com as necessidades de reprogramação
 
 
NEWSLETTER
Quer receber as últimas novidades da CPSE no seu correio electrónico?
Inscreva-se através do mail:
cpsantoestevao@gmail.com
 
Se desejar que o seu e-mail seja removido da nossa mailing list, envie-nos uma mensagem com "REMOVER" no assunto.